Ensaio Fotográfico: Audeci Silva

 

Andréa Carneiro Gomes (A Déia), tem 40 anos, é operadora de caixa, gosta de cozinhar, ouvir música, assistir séries e ler um bom livro. Ama praia e tirar fotos. Ela é da cidade do Guarujá, litoral de São Paulo. Déia é super participativa nas tarefas do Clube Top Loba e já melhorou muito seu desempenho nas aulas de selfie. Também adora nossas camisetas e compra todos os modelos novos! Conheça agora um pouco melhor nossa Top Loba da Capa!

Você ja deixou algum sonho para trás?

Meu sonho era ser modelo fotográfica (que hoje eu estou realizando, graças ao Movimento Top Loba) cheguei a ir numa agência na minha adolescência, mas a minha mãe não tinha condições de me pagar um book.

Você se arrepende de algo na sua vida?

Sim, de não ter estudado mais, queria muito ter feito faculdade de educação física, mas logo Deus me mandou o meu melhor presente, o meu filho, que hoje está com 21 anos e é o meu maior tesouro e o meu orgulho.

Qual foi a sua maior superação ou maior conquista?

Minha maior superação foi a separação, por mais que tenha sido minha a decisão, eu senti muito, pois o meu filho só tinha 12 anos e eu fiquei um pouco preocupada em como ele ia entrar na adolescência sem a presença do pai.

Quais seus cuidados de beleza? O que você faz para manter a autoestima em dia?

Ah, eu sempre gostei de me cuidar, principalmente da minha pele, desde nova que eu gosto de usar cremes no rosto e no corpo, sempre que posso faço limpeza de pele, uso protetor solar fator 50 todos os dias, a única coisa que eu não consigo é fazer dieta,  eu até tento rsrs. Todos os dias quando eu acordo, levanto, vou até em frente ao espelho, olho pra mim e digo: "Hoje eu estou melhor que ontem"  gosto do que eu vejo, sempre tiro uma foto e me acho linda, nem as gordurinhas me incomodam, sempre digo que é excesso de gostosura rsrs

Como você conheceu o Movimento Top Loba e por que decidiu fazer parte?

Eu conheci o Movimento através da minha amiga Marilene Cirino, eu sigo ela no insta e eu gostava muito de ver as fotos, os eventos, as festas e os desfiles que ela participava e fiquei encantada... e quando ela foi capa, então?! Nossa eu fiquei louca pra fazer parte dessa alcatéia. Ela viu o meu interesse e me convidou pra ser Top Loba, só que eu ainda ia fazer 39 anos e ela me disse que só podia fazer parte com 40 anos, nossa nunca pensei que fosse ficar tão ansiosa pra fazer 40 anos, eu contava os dias. Até que eu nem esperei, em fevereiro deste ano eu falei com ela e ela me passou o contato da Angel e disse que era só eu falar com ela, aí com 39 anos e 11 meses eu entrei pra esse clube maravilhoso, que só me faz bem!

Quais foram os benefícios e mudanças que o Clube trouxe para sua vida?

Noossa, o que falar desse Movimento maravilhoso, só coisas boas. Ele me trouxe tantos benefícios, principalmente autoestima, passei a gostar de me maquiar (coisa que eu não gostava), vi que eu não preciso ter corpo de Barbie e nem bombado pra ser mulherão, aprendi que a vida é curta demais pra gente se preocupar com o que os outros vão falar. Que a gente pode ser bem mais do que queremos, pois somos mulheres poderosas e empoderadas.

Qual conselho você daria para mulheres que se anularam e hoje estão insatisfeitas consigo mesmas?

Diria a elas que jamais desistam dos seus sonhos, nós mulheres temos um poder enorme e uma luz que a gente não pode deixar apagar. Nós temos que nos valorizar mais e nos amar mais, não deixar que opiniões de gente pequena, diminua a nossa vontade de ser grande.

Qual seu maior desejo daqui por diante?

O que eu espero daqui pra frente é continuar fazendo parte desse Movimento maravilhoso, participar de um desfile e ser Miss Top Loba. E alcançar todos os meus objetivos, que devagarinho eu estou conseguindo, graças a Deus.

Escreva uma frase que te represente hoje.

Quando você começa a cuidar de si mesma, você se sente melhor, fica mais bonita e atrai coisas boas. Tudo começa com você.

 

"Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena Acreditar no sonho que se tem 

Ou que seus planos nunca vão dar certo

Ou que você nunca vai ser alguém."

Renato Russo.