pub-9301201605593009
 
IMG-5071.JPG
IMG-5064.JPG

Por 4 anos tivemos Veronica Scavone à frente da Coluna Moda e Estilo aqui na Revista Top Loba. Modelo, Professora de Passarela da Agência de Modelos By Clô e Consultora de Moda e Imagem, Veronica fez um trabalho impecável em todos estes anos, com seus artigos cheios de informação e originalidade. Aprendemos muito com seus ensinamentos e seremos eternamente gratas por compartilhar com nossas leitoras, tanto conhecimento. Desejamos muito sucesso em sua jornada e novos negócios. Gratidão!

Quem assume a Coluna a partir de agora, é Silvana Ribeiro, que também é nova integrante do Clube Top Loba. Conheçam um pouco de sua trajetória:

"Me chamo Silvana Ribeiro, sou Consultora em Imagem e Estilo  (masculino e feminino) profissional e pessoal. Durante os 18 anos que residi em Mônaco, dediquei alguns destes, ao estudo da moda nos centros fashions da Europa, como Itália (Milão) e França (Paris).

Montei então minha empresa no principado onde morava e passei a aconselhar as pessoas que me procuravam de forma onde elas pudessem veicular suas diversidades de estilos e gostos. 

É muito satisfatório e gratificante poder auxiliar as pessoas em relação ao seu bem estar, aumentar sua autoestima, ressaltar os pontos positivos de seu corpo, tudo isso sem interferir na sua personalidade. Deixo com vocês o meu primeiro artigo, espero que gostem."

 

Peças atemporais que você precisa ter

 

Existem peças que são essenciais em um guarda roupa para compor looks sem ser vítima da moda. Estamos falando dos atemporais, que além de estilo, vestem as mais audaciosas como também as mais clássicas independente da idade. Não existe hora, tempo, lugar ou época, as peças atemporais estão acima da moda, e não são difíceis de encontrar, basta adaptar cada uma delas à sua morfologia e imagem que você transmite; sucesso garantido. Dentre elas, citamos 5 queridíssimas:

Camisa Branca:

Inicialmente destinada aos homens durante o século XIX, a camisa branca é peça indispensável ao guarda roupa feminino desde os anos 1920-1930. Na época, um símbolo de luta pela igualdade dos sexos, hoje é uma das peças de roupa mais popular do planeta, sendo confeccionada nos mais variados tecidos, assim como diferentes formas. O corte é extremamente importante, pois é ele que vai valorizar sua morfologia, como também definir seu estilo.

INSPIRATION - WORK OUTFITS FOR SEPTEMBER
Comment porter la chemise blanche en mi-
Três regras básicas para construir o gua

Vestido Preto:


Conhecido como o “pretinho básico", o vestido preto com mangas longas ou curtas, tubinho ou evasê, vai do básico ao chique, rock ou glamour. Irresistível e atemporal “la robe noir", é uma peça essencial do “prêt-à-porter" feminino. Para um encontro de negócios ou romântico, o vestido preto coloca a sua silhueta em valor em todas as circunstâncias, se usado de acordo com sua morfologia. Ele ultrapassa a moda e é usado em todas as estações do ano. Todo mundo ama o Pretinho Básico. Clássico durante o dia, sexy e elegante à noite, um verdadeiro camaleão.

Madeleine Fall 2014 New Arrivals (UPDATE
50 looks de vestidos tubinhos para todas
desirfeminin.jfif

Calça Social Alfaiataria:


Por que usar uma calça de alfaiataria?
Elegância, feminina, clássica, chique, originalidade, confiança... em mim mesma, são as palavras que me vêm a mente quando uso uma calça de alfaiataria. Sem contar o prazer de desfilar livremente uma roupa que foi durante muito tempo considerada como inapropriada às mulheres. Hoje, ela faz parte de nosso cotidiano de maneira clássica ou casual. Larga ou reta, sim é possível criar um look glamour-sexy com uma calça de alfaiataria.

10 маст хэв вещей зимнего гардероба 2015
Susi Rejano_ Conheça o Estilo da Espanho

Sapatilhas:


Toda mulher deveria ter ao menos um par, pois elas se adaptam à todos os guarda-roupas. Destinadas às bailarinas em tempos passados, elas ganharam espaço graças a duas atrizes nos anos 1950. Em 1953 Andrey Hepburn, pediu a Salvatore Ferragamo que criasse um par de sapatilhas que valorizasse seu perfil de dançarina. Já em 1956, foi a vez Brigitte Bardot usar um modelo de sapatilhas criado por Repetto e desde então, uma nova maneira de ser sexy surgiu. Em couro, tecido, verniz ou pele, com motivo animal, bicolor ou cor única, ela é uma peça prática que vai com quase tudo. Prefira as mais decotadas para que não pareça uma peça infantil.

Uma semana de looks inspirados em Olivia
42 segredos de estilo que fazem toda a d

Escarpins:


Companheiros de nossas reuniões de trabalho, de nossos momentos de festa, de nossas noites formais ou improvisadas, se adaptam a quase todos os estilos, desde o social e até mesmo com jeans. Estão presentes em todos os guarda-roupas femininos. Adaptados para as mulheres em metade do século XVIII. O modelo que utilizamos hoje é uma evolução do criado pelo aristocrata francês, Alfred Gabriel, comte d’Orsay, que em 1830, dá a eles sua linha original que resistirá às revoluções, a moda, e às épocas.


Caso você não possa ou não goste de usar salto alto, o escarpin tem uma diversidade de altura, variando de 6 a 12 cm. Para um primeiro par, opte pelo preto, passe então para um nude e só depois os coloridos ou com estampas animais.

25 Work Outfits for Women to Spice Up Th
Camila Coelho _ A Fashion, Beauty & Life

Agradeço o convite para assumir a Coluna Moda e Estilo.

Beijos e até o mês que vem.

Silvana Ribeiro

Consultora em Imagem e Estilo

Abril/2021